FMA divulga programação especial para a Semana do Meio Ambiente

A Fundação Mamíferos Aquáticos (FMA) preparou uma programação especial para celebrar a Semana do Meio Ambiente. De hoje, 27 de maio, a 05 de junho, a instituição realizará palestras e participará de eventos temáticos em estados onde tem atuação, como na Paraíba, Pernambuco e Sergipe. Nestas oportunidades, a FMA levará sua experiência  de organização social, sem fins lucrativos, que há 25 anos trabalha na conservação marinha brasileira com atividades de sustentabilidade que desenvolve junto às comunidades. Representantes da FMA apresentarão alguns dos projetos e ações executadas ao longo desses anos, proporcionando a reflexão sobre os desafios atuais e futuros para a conservação do meio ambiente.


“O Dia do Meio Ambiente, 05 de junho, é uma data importante para chamar a atenção e mobilizar pessoas no mundo todo sobre as questões ambientais. Em sua programação, direcionada a diversos perfis de público, a Fundação está abordando algumas problemáticas relevantes relacionadas aos mamíferos aquáticos e destacando sobretudo exemplos de ações positivas voltadas para a conservação”, destaca a técnica de Inclusão Social da FMA, Maíra Braga.

Para dar início às atividades comemorativas, nos dias 27 e 29 de maio, equipe da FMA compartilhará conhecimento com alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental Professora Ivanilda Maria dos Santos, em Lagoa de Praia, e da Escola Municipal de Ensino Fundamental Presidente Nilo Peçanha, em Cravaçu, ambas localizadas na Área de Proteção Ambiental (APA) da Barra do Rio Mamanguape, região da Paraíba onde a FMA atua com o Projeto Viva o Peixe-Boi Marinho – uma estratégia de conservação e pesquisa para evitar a extinção desta espécie no Nordeste do Brasil. Na ocasião, profissionais falarão sobre o status de conservação e os aspectos biológicos e ecológicos do peixe-boi marinho, considerado o mamífero aquático mais ameaçado de extinção do Brasil.

No dia 03 de junho, a Fundação participará da Semana de Meio Ambiente da Faculdade Frassinetti do Recife – FAFIRE. No evento, a técnica de inclusão social da FMA, Maíra Braga, ministrará uma palestra sobre a importância do envolvimento comunitário para a conservação ambiental. Seguindo a programação do evento da FAFIRE, a pesquisadora-associada Maria Danise Alves irá compartilhar seus conhecimentos sobre mamíferos e tartarugas marinhas no Brasil. Enquanto isso, a FMA estará com equipe de especialistas em um estande, esclarecendo dúvidas envolvendo mamíferos aquáticos e seus habitats, e apresentando os projetos que executa no litoral brasileiro. Os bonecos de pelúcia alusivos ao peixe-boi marinho, peixe-boi amazônico e à baleia-franca, produzidos pela Eco-Oficina Peixe-Boi & Cia – ação de cunho socioambiental que a FMA desenvolve há mais de 20 anos junto à comunidade da Barra de Mamanguape – estarão à venda no evento da FAFIRE.

Também no dia 03 de junho, desta vez em São Cristóvão, na Universidade Federal de Sergipe, a Fundação promoverá a oficina ‘Animais aquáticos e a poluição marinha: uma relação em cadeia’, durante o Seminário Meio Ambiente e Sustentabilidade, que este ano tem como tema ‘Água: desafios para o consumo consciente’. A geógrafa da FMA, Gabriela Valenzuela, explica: “a oficina abordará a maneira como os resíduos sólidos se transformam em lixo marinho e afetam diversas espécies. Serão apresentadas várias formas de interação desses animais com o lixo e com outros tipos de ameaças antrópicas sofridas por mamíferos aquáticos. Para a atividade prática, a oficina irá apresentar as dinâmicas e os fatores que estão associados ao encalhe de golfinho”.

As ações da FMA alusivas à semana do Meio Ambiente finalizarão na APA da Barra do Rio Mamanguape, em 05 de junho. Neste momento, a Fundação receberá alunos do curso de Ciências Ambientais da Universidade Federal de Pernambuco numa palestra-aula sobre o peixe-boi marinho, abordando também os projetos que desenvolve na região. Em paralelo, outra equipe da FMA estará na cidade de Rio Tinto (PB) participando do Dia do Meio Ambiente, com estande informativo e de sensibilização ambiental que será instalado na Praça João Pessoa.

Foto: Enrico Marcovaldi/ Acervo FMA