Cachalote encalha em praia do litoral norte da Paraíba

A equipe do Projeto Viva o Peixe-Boi Marinho (PVPBM) deixou ontem (20/09) o município de Mataraca, litoral norte da Paraíba, onde realizou atendimento a um mamífero aquático que encalhou morto na praia da Pavuna, próxima à Barra de Camaratuba. A equipe foi acionada na manhã de no dia 19 de setembro por populares e desde então estava trabalhando no local. A médica veterinária do Projeto, Vanessa Rebelo, informou que se tratava de um cachalote (Physeter macrocephalus) fêmea em avançado estado de decomposição. O mamífero de 10,26 metros foi submetido à necropsia. Durante o procedimento, foram coletadas amostras de tecidos e órgãos do animal para realização de estudos que possam identificar a possível causa da morte. A carcaça foi enterrada na tarde de ontem no local próximo ao encalhe, a partir de entendimento com os órgãos ambientais competentes.


 Empresas da região, bem como a Colônia de Pesca da Barra de Camaratuba Z-17 e a APA e ARIE da Barra do Rio Mamanguape, deram suporte à equipe do PVPBM durante o atendimento à ocorrência. A Cristal Mineração do Brasil cedeu uma retroescavadeira para auxiliar na destinação da carcaça. A Pousada Potiguara, localizada na região da ocorrência, também colaborou com o atendimento ao encalhe oferendo hospedagem e base de apoio para toda a equipe, que esteve de plantão no local por aproximadamente 30 horas.
Os cachalotes são considerados os maiores dos cetáceos com dentes, podem chegar a medir até 18 metros de comprimento e a pesar 57 toneladas. É uma espécie cosmopolita que pode ser encontrada nos oceanos, dos trópicos às áreas polares, entre 60°N-70°S. Pela IUCN, o seu status de conservação é vulnerável.

É importante lembrar que caso alguém encontre um mamífero aquático encalhado, vivo ou morto, a orientação é para que informe imediatamente ao órgão ambiental atuante na região ou entre em contato com a Fundação Mamíferos Aquáticos/ Projeto Viva o Peixe-Boi Marinho pelos telefones: (83) 99961-1338/ (83) 99961- 1352 (whatsapp) / (79) 3025-1427. Em situações como esta, não se aproxime e nem toque no animal. O Projeto Viva o Peixe-Boi Marinho é realizado pela Fundação Mamíferos Aquáticos e patrocinado pela Petrobras por meio do Programa Petrobras Socioambiental.

Fotos: Acervo FMA.